Pesquisar
Close this search box.

Compostagem caseira: simples e descomplicada

Compostagem caseira

A compostagem caseira é uma maneira prática e sustentável de reutilizar resíduos orgânicos. Aqui temos dicas para iniciantes, uma forma simples e descomplicada de compostar. Neste artigo, mergulharemos neste tópico. Acompanhe!

1. A magia da compostagem: o que é e como funciona?

A compostagem caseira (ou em larga escala), é um processo biológico. Através dele, micro-organismos transformam resíduos orgânicos em húmus. Esse húmus é um material similar à terra. É fértil, escuro e cheiroso. Serve como adubo de qualidade para as plantas.

2. Por que compostar? Benefícios do processo

Há várias razões para embarcar nessa jornada.

  • Redução do Lixo: diminui a quantidade de resíduos destinados aos aterros.
  • Adubo de qualidade: fornecerá nutrientes para o solo e plantas.
  • Economia: reduz a necessidade de comprar adubo comercial.
  • Meio ambiente: diminui a emissão de gases de efeito estufa.

3. Materiais essenciais para iniciar

Compostagem caseira

Para começar, você precisará de alguns materiais.

  • Composteira: use um recipiente pronto de plástico facilmente encontrado na internet, ou construído em casa, normalmente de madeira, porém, siga uma regra simples aonde o tamanho da composteira varie conforme a quantidade de moradores em sua casa. Supondo que seja uma única pessoa, opte por um modelo de 15 litros, já para duas ou três, use uma de 30 litros, sendo 4 ou 5 moradores use uma de 60 litros.
  • Resíduos verdes: estes são ricos em nitrogênio. Exemplos incluem restos de cozinha, grama e esterco.
  • Resíduos marrons: ricos em carbono. Folhas secas, papelão e serragem são ideais.

4. Encontrando o espaço perfeito

Compostagem caseira

O espaço é essencial para uma compostagem eficaz, portanto, escolha um local seco e sombreado, de preferência perto de uma fonte de água, pois facilitará sua manutenção.

Lembrando que o acesso fácil ao local da composteira, auxiliará na adição de resíduos e a virada do composto.

5. Montando sua pilha de composto

Compostagem caseira

O processo é simples.

  • Inicie com uma camada grossa de galhos na base. Isso garante ventilação.
  • Adicione uma camada de resíduos marrons.
  • Por cima, coloque uma camada de resíduos verdes.
  • Umedeça levemente cada camada com água.

6. Cuidando do seu composto

A compostagem requer manutenção.

  • Revire o composto uma vez por semana. Utilize uma pá ou garfo de jardinagem.
  • Verifique a umidade. Se estiver seco, adicione água. Se estiver muito úmido, acrescente resíduos marrons.
  • Mantenha a pilha coberta. Isso ajuda a reter umidade e calor.

7. Ingredientes amigos e inimigos da compostagem

Para um composto saudável, saiba o que adicionar e evitar.

Adicione:

  • Restos de legumes.
  • Restos de verduras.
  • Resto de frutas não cítricas.
  • Borra de café.
  • Folhas secas.
  • Restos de jardim.
  • Saquinhos de chá.
  • Serragem não tratada.
  • Casca de ovo triturada.

Evite:

  • Carnes e laticínios: atraem animais indesejados.
  • Plantas doentes: podem propagar doenças.
  • Materiais não biodegradáveis, como vidro e plástico.

8. Identificando um composto pronto

O composto leva de 2 a 6 meses para ficar pronto. Quando estiver:

  • Escuro, parecido com terra.
  • Com textura despedaçada.
  • Com cheiro terroso e agradável.

O composto ficando com esse aspecto, você saberá que está pronto para uso.

9. Aproveitando seu composto

Agora que seu composto está pronto:

  • Use-o como cobertura no jardim.
  • Misture com o solo em vasos e canteiros.
  • Armazene o excesso em sacos para uso posterior.

10. Dicas para aprimorar sua compostagem

Algumas dicas podem otimizar seu processo.

  • Tamanho dos Resíduos: quanto menores, mais rápido se decompõem.
  • Proporção: mantenha uma proporção de 3:1 de resíduos marrons para verdes.
  • Insetos: se atrair insetos indesejados, adicione mais resíduos marrons ou cal virgem.

Conclusão

A compostagem caseira é uma atividade enriquecedora. Beneficia o meio ambiente, seu jardim e até o bolso. Com dedicação e conhecimento, qualquer um pode transformar resíduos orgânicos em ouro para plantas. Comece a compostar hoje e colha os benefícios desse processo ecológico!

Você também pode gostar de:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.